DISFARCE

o rosto feito em retalhos
aqui amoldo em silêncios
e argilas de esculpir vida,

uma parte fluida absorve
essas ranhuras do tempo
e a outra, tudo consolida;
Man Ray

molde pronto e está livre
toda a imagem formada       
mas falha o seu conteúdo,
       
que essa máscara brilha
como adversa à verdade
e reflete o avesso de tudo;

refaço a face do simulacro
para reiniciar a escultura
dos restos de fragmentos,

mas é da mesma imagem
que retiro dentro de mim
a sombra que me invento...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MENSAGEM NA GARRAFA

VIDÊNCIA

O EQUILIBRISTA