INSIGHT

me despe no meu avesso
me destrava das algemas
me alumia no meu escuro
me leva à nascente do rio,

e ensina o que não se vê
por caminhos que não sei
das estradas que esqueci
pelo pacto de não lembrar,

então, quer a lua acenda
quer os mundos dissipem
quer as leis me silenciem
enfim me deixe entender,

que nada se faz decisivo
que sonhar não é o atalho
nessa estrada imperfeita
de continuar, e de resistir,

e o que quer que se viva
no retiro de ousar-se crer
é parte a completar o todo
que se funde, ao irromper...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ALÉM DA JANELA

CORRENTEZA

INÍCIO E FIM