LEITURA

Há certa graça
em se guardar
flores sem vida
dentro de livros,

Como arquivar
o tempo que foi
mas se demora
a concluir o giro,

Mas tudo passa
sejam certezas
ou a imprecisão
aonde me crivo,

Entre o silêncio
e vãos obscuros
fixos na página
enquanto deliro...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MENSAGEM NA GARRAFA

FILME NOIR

VIDÊNCIA