GESTO

a borboleta paira
sua liberdade de distâncias
por J. Ribas
para revelar o invisível
do nada que devora,

o gesto da borboleta
colide os mundos
bater de asas na solidez
das ideias, descaminhos,                                                             
flor solta no tempo
a se permitir uma nudez
mais velada que a lua
no seu véu de florescer luz...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MENSAGEM NA GARRAFA

FILME NOIR

VIDÊNCIA