VERTIGEM

Para me lançar
do modo incisivo
levo o fogo no sabre
o raio na esfera
o beijo na boca,

Caem muralhas
e um rio secou
Cage - 1970
by Jan Saudek
anjos foram banidos...
mas a asa pulsa
sucessiva e louca,
                            
Há que salvar
depois da queda
um quê de fantasia
que faça romper
dos olhos tristes,

Mais que tudo
essa consciência
de libertar-se o ideal
da rasa vertigem
que nos resiste.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ALÉM DA JANELA

CORRENTEZA

MOMENTO